A volta – Parte 2

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

É hora de retomar a caminhada.
Chegou um ponto em que eu notei que não adiantava mais apenas ficar triste com a minha situação. Eu percebi que precisava fazer algo. Tinha chegado o momento de fazer a minha parte.
A primeira coisa que fiz foi procurar alguém pra conversar. Tive duas conversas importantes, embora eu parecesse irredutível quanto ao fato de que nada mais adiantava. Eu me sentia cansada e achava que fazer mais seria uma perda de tempo. Mas como eu disse no post anterior, eu não tenho pra onde ir, e eu tenho consciência de que não poderia estar longe do Senhor.
Depois das conversas um verbo ficou na minha cabeça: “Priorizar”. E como um verbo implica em ação, eu comecei a tomar providências pra isso. Voltei a ler a bíblia, usando a linguagem de hoje, voltei a orar a bíblia, algo que eu aprendi há algum tempo, mas não costumava mais fazer, diminuí meu tempo na internet, e coloquei ordem na casa. As coisas de Deus vem primeiro, portanto, ler a bíblia, orar e coisas do tipo viriam primeiro, antes da internet, e outros tipos de ‘diversão’. O que andava tomando meu tempo e me impedindo de cuidar da minha vida espiritual foi tirado do caminho.
Vou confessar que nem tudo é tão bom quanto parece. A sensação de que isso pode não servir pra nada ainda existe. Eu ainda acho que vou tropeçar em algum lugar no caminho e no fim, não vou ter chegado a lugar algum. Eu tenho essa sensação de esperança que Deus quer me dar, e essa sensação de desesperança que vem do outro lado disto. Ainda é um caminho complicado, mas eu escolhi seguir em frente porque eu penso que se Deus espera algo a mais de mim, Ele deve ter um motivo. Ele estará lá, durante o caminho. E eu quero tanto ver aquele sorriso no rosto dEle. Ah, eu quero mesmo.

2 comentário(s):

  1. André disse...:

    Evc vai ver esse sorriso meu bem! Obrigado por compartilhar isso tudo com a gente! Obrigado por ajudar outras pessoas como eu a enxergar certas coisas que começavam a passar batidas por mim! *.*

  1. Leandro Neri disse...:

    Nine!
    Seus textos são muito lindos!
    E não estou falando isso por ser seu amigo! É verdade!
    Você é capaz de expressar muitas coisas que eu, às vezes, não consigo!
    Um grande beijo pra vc!
    Ps.: Obrigado por dividir o texto em parágrafos agora! =]